Elementalopédia, PDF, Nyah! e “Alto Astral”

Olá, olá a todos! Como vão?

Venho aqui dar algumas notícias bacanas! Bem, pelo menos espero que sejam recebidas dessa forma… Hehehe.

A primeira é que muito, muito em breve eu já estarei colocando aqui as primeiras informações que compõem a Elementalopédia, e acho que vai ficar superlegal!

A segunda é que eu converti todos os capítulos do prólogo ao capítulo 8 (incluindo tudo o que foi postado aqui como páginas diárias) para PDF, e vocês já podem acessar o arquivo pela seção Volumes. Sei que muitos preferem ler assim, porque é mais limpinho e tal (eu também prefiro, hehe), então, aí está!

A terceira é que eu resolvi postar essa nova versão de Elementais no site do Nyah!, embora eu achasse que não havia mais sentido voltar lá. Mas, em termos de divulgação, tudo é válido, e como lá é um espaço onde muita gente se aglomera para procurar algo para ler, então é uma excelente propaganda para minha história e meu blog.

E como notícia extra, gostaria de convidar a quem gosta de histórias de aventura e fantasia moderna (bem a la Percy Jackson e Harry Potter) misturada com anime e mangá a lerem uma história muuuuuuito legal que descobri no Nyah! ontem mesmo. Chama-se Alto Astral e gira em torno de um tema que tenho certeza que é do interesse de muitos: astrologia. Mas vai muito além disso! Só mesmo lendo para descobrirem quantas emoções essa história guarda!

Bem, é isso, espero que estejam gostando de Elementais e fiquem atentos para o que está por vir!

Anúncios

10 Respostas para “Elementalopédia, PDF, Nyah! e “Alto Astral”

  1. oi tive sem pc por um tempo e nao deu para ca vir. a historia está excelente como sempre.
    lembras-te de dizer que ia dar a conheçer a tua historia a pessoas de ca (portugal) .dei mas o pessoal nao adere alguns gostaram mas outros preferem em livroem vez do computador,e outros por ser brasileiro nem se dao ao trabalho de ler.
    mas eu continuo um fã assiduo .bem mais a partir de agora

    • Ah, mas até eu prefiro livro a computador! Hehe. Tudo bem, é assim mesmo, muito obrigado por tentar divulgar.

      É totalmente compreensível que muitos não leiam por ser brasileiro. Pra começar, está escrito num português um pouco diferente do que estão acostumados. Outro motivo é que nem todos gostariam de um “livro estilo mangá”. E mais outro motivo é que é mais difícil se apegar a uma história que se passe em um lugar com o qual você não está acostumado, muitas vezes até sendo um lugar pelo qual você tem certo desdém (sejamos francos, ainda existe rivalidade entre portugueses e brasileiros). Entre outros motivos…

  2. Opa, já vou lá baixar. Quero continuar minha leitura. Estarei aguardando essa enciclopedia. Não é qualquer história que tem uma, hehe.

    Eu quase não leio mais nada no Nyah, acompanhava algumas histórias, mas acabei perdendo o gosto do site enquanto não lançava mais nada. Mas devo retornar lá para divulgar alguns caps do Mundo Sombrio, um e-book que estou preparando.
    Não sei se vou ler essa história de astrologia, talvez eu passe olho, ando meio sem tempo com vários outros ebooks aqui pra ler. Mas vou fazer um review lá no Elementais em breve.

    • Vai ser uma coisa estilo Wikipédia, sabe? Tipo as Wikis de animes como Bleach e Naruto. Não tão elaboradas quanto, pois sou um só, mas vai ser bacaninha! Hehe.

      O Nyah!, pelo menos no quesito Originais, ainda não está nenhuma maravilha em se tratando de histórias, mas de vez em quando dá pra achar algo interessante, como foi o caso de Alto Astral.

  3. Percy Jackson é bem legal, eu gosto muito(ainda estou no segundo livro), se você o usou como referência então vou dar uma olhada…

  4. Só tenho uma pequena dúvida…quando o elemento “Metal” aparecer(porque ele deve aparecer), o poder dele vai ser tipo…o quê? Summonar o Jimi Hendrix pra tocar um soloe tacar fogo na guitarra? O.O
    Ou pior! Tiro de espingarda de Kurt Cobain!!!
    Zuera zuera…mas bem que podia ter um personagem baseado no Rev(baeterista e vocalista do avenged sevenfold), ele foi expulso de um colégio católico na segunda série!!! o.O
    Ah, que comentário inútil ._.

    • O Elemento Metal já apareceu, no capítulo 7, hehe. Talvez você apenas não tenha chegado nele, ainda.

      Que coincidência… Essa do tiro de espingarda até existe em um plano para um personagem futuro, mas beeeeem futuro, mesmo.

      Se o Rev foi expulso de um colégio católico na segunda série, ele é gente boa! LOOOOOL.

      Não estou sendo sarcástico. XD

      • Né, também não sou muito dessas coisas…minha mãe que é católica doente…

        Coitado do Rev…morreu tão novo…um dos melhores bateristas do mundo, aliás…

        Escrevi um capítulo inteiro de “Asas de papel” escutando “Walk”, um cover que eles fizeram do Pantera…música boa, aliás.

        Acho que seria uma boa você escutar blood brothers do papa roach…da pra dar uma inspirada legal…os estilo da banda se encaixa com elementais…da uma olhada depois.

        Cara, elementais ta muito bom, parei no capítulo 8 eu acho…confesso que ri na cortina do tio Bob xD

        Senti um pequeno toque de “Devil May Cry” aí, estou errado?

        Enfim, isso aqui não é fórum.
        Continua assim, Manda-chuva(entendeu? Cloud? Chuva?). Aabração aê \o

  5. Eu escutei “Blood Brothers”. Para ser bastante sincero, eu não sou um grande fã de bandas de hard rock americanas. Geralmente elas têm um som e letras muito… “agressivos”. Combinaria perfeitamente com outras coisas, no entanto. Mas a mensagem e o clima de Elementais não tem muito a ver com “matar” ou “corrupção” ou “abuso”, como há na letra (ter até tem, mas não no sentido literal e político), especialmente o Gabriel e o Felipe, hehehe. Mas eles são, sim, irmãos de sangue muito unidos.

    Sou um cara pacífico (lol). Acho que o tipo de som mais agressivo que aguento é o de músicas como “Mirror Ball” do Alice Nine e “Mysterious” do Janne Da Arc, hehehe.

    “Mirror Ball” -> http://www.youtube.com/watch?v=swp6WktU0aI
    “Mysterious” -> http://www.youtube.com/watch?v=8gO5oIHxRZg
    Tem o clipe do “Mysterious” também, mas a qualidade do som e da imagem não está tão boa: http://www.youtube.com/watch?v=4xZB0CvnOhc

    Eu joguei pouquíssimo Devil May Cry, mas o inconsciente é uma força misteriosa. Eu posso ter usado algo de Devil May Cry sem nem me dar conta. Mas acho difícil porque, pensando conscientemente a respeito agora, não me vem nada de DMC na cabeça.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s